Leilão, tire suas dúvidas.

  • O Leilão é uma forma de venda e compra transparente, democrática e segura, pois é um negócio simples, ágil, realizado de forma pública, sob a égide de um Leiloeiro Público Oficial.
  • O leilão é presidido e conduzido sob a responsabilidade do Leiloeiro Público Oficial designado.
  • Pode ser vendido em leilão qualquer espécie de bem: imóveis, veículos, máquinas e equipamentos, etc.
  • Os bens são apregoados em leilão, devidamente agendado, com hora e local pré-determinado.
  • Para a realização do leilão é feita uma maciça publicidade através de jornais, mala-direta, internet, cartazes, dentre outros
  • As regras de cada leilão são definidas no documento chamado edital do leilão. Neste documento constará entre outros, o valor lance mínimo, forma de pagamento, datas e local para retirada do bem, etc.
  • O bem ficará em exposição para avaliação dos interessados, por um período determinado.
  • O interessado deve analisar a condição do bem e anotar o número do lote.
  • O bem é leiloado no estado que se encontra.
  • Na hora e no local designado o leiloeiro dará início ao leilão.
  • Os interessados poderão dar lance no ato do leilão, viva-voz, ou através lance on-line, em momento anterior.
  • O licitante que oferecer maior lance será o vencedor, tomando a propriedade do bem através da arrematação.
  • No ato da arrematação deverá ser feito o pagamento da comissão legal do leiloeiro que é de 5%(cinco por cento), sobre o valor da arrematação.
  • O pagamento do bem deverá ser feito em conformidade com o estipulado no edital do leilão.
  • Ao final, conforme edital, será providenciado entrega do bem e da documentação ao arrematante.